Reloaded


Nas cores exuberantes das gemas preciosas e das especiarias, tapetes iranianos, das décadas de 30 e 40, foram submetidos a processos de descoloração e estonagem, e depois tingidos com pigmentos vegetais. As tradicionais técnicas de tecelagem e os padrões orientais foram preservados. Ao mesmo tempo, os tapetes propõem a modernidade devido à sua reutilização.  Únicos e exclusivos, os resultados são obtidos no processo de tingimento artesanal, pois cada fio e fibra reagem de forma singular.